Primeiro semestre calmo para Edinho na Câmara