A Escola do Paulas comemora os 50 anos de história

 

A Escola Annes Gualberto amanhã, quarta-feira, dia 26, completa 50 anos. Para comemorar o cinquentenário, a escola vai realizar a partir das 18h um culto ecumênico com as três igrejas da comunidade do bairro Paulas. Após haverá um bolo de dois metros ofertado a todos.

 

 

50 anos – A Escola de Educação Básica Engenheiro Annes Gualberto, iniciou as atividades educacionais como Escola Reunida Professora Maria Luiza Osório Sommer, quando foi transferida do bairro Rocio Grande, para dar atendimento à comunidade do bairro Paulas. Por volta de 1964, passou a chamar-se Escolas Reunidas Professora Maria dos Santos Colaço, funcionando em uma casa de madeira em frente ao atual prédio e sendo administrada pela Professora Antônia Felícia de Oliveira.

Com o tempo, surge a necessidade da construção de um novo prédio para abrigar os alunos, com acomodações mais confortáveis e maiores, trazendo, portanto, perspectivas de uma educação integral, a nível de 1º grau. O novo prédio foi inaugurado no dia 26 de junho de 1969 e passou a ser dominada “Escola Básica Engenheiro Annes Gualberto”.

O Estabelecimento antigo foi demolido e foram construídas novas instalações em 2009, e inaugurada em agosto de 2010. A área total edificada é de 1.567,80 m2, num terreno de 6.630,30 m². Todos as instalações foram contempladas com a acessibilidade.

Hoje, a escola conta com 520 alunos matriculados do 1ª ao 9ª ano. Os adolescentes saem com formação básica, possibilitando dar continuidade aos estudos de nível médio.

Programação

18h – Culto Ecumênico
19 – Homenagens
19h30 – Final do Show de Talentos

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.