Estudantes do Nicola Baptista fazem visita à Estação de Tratamento de São Francisco do Sul

Os estudantes da escola Professor Nicola Baptista, da comunidade da Enseada que participam do programa EMAS (Educação, Meio Ambiente e Saúde) realizaram uma visita técnica à Estação de Tratamento de Água (ETA) do Rocio Grande, em São Francisco do Sul. A atividade, organizada pelo biólogo e coordenador de projetos socioambientais da Águas de São Francisco do Sul, Luiz Gustavo Marzollo, teve como objetivo propiciar aos alunos a oportunidade de conhecer as técnicas de tratamento de água e os benefícios à população.

A  intenção do EMAS é trabalhar de forma transdisciplinar com os estudantes, em encontros que envolvem atividades lúdicas e conteúdos aplicados. Marzollo acrescenta que o EMAS foi dividido em três módulos, tendo cada um deles duas atividades. No primeiro módulo, os estudantes participaram de uma palestra sobre a importância de não jogar lixo no mar, rios e córregos; a importância da utilização da água tratada, além de assistir um filme de animação sobre a conscientização e o uso racional da água. Ao todo, participaram da visitação 61 estudantes e três professores. A próxima etapa do projeto será a entrega de certificação.

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.