Menos de 40% dos eleitores francisquenses tem o cadastro biométrico

A meta do Tribunal de atingir 85% do eleitorado biometrizado no estado até o fechamento do cadastro, em maio de 2020

 

Os dados do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC) apontam que 14.440 eleitores francisquenses fizeram o cadastro biométrico. O valor equivale a 39,3% do total de 36.713 eleitores no município. A meta do TRE/SC é de atingir 85% do eleitorado até maio de 2020.

Conforme o site do TRE/SC a média de atendimento em São Francisco do Sul é de 10 pessoas por dia. Há 22.273 eleitores que ainda não fizeram o cadastro. Ou seja, 60,7%.

O objetivo da revisão do eleitorado é atualizar o cadastro de votantes de cada município, fazendo com que o eleitor que não tenha mais vínculo promova a transferência para a cidade onde efetivamente reside, evitando o cancelamento do documento e as sanções decorrentes disso, como a impossibilidade de votar nas eleições de 2020, o pagamento de multas, impedimentos relacionados à emissão de passaporte, participação em concursos públicos e posse em cargos públicos, matrícula em universidades, dentre outros.

O cancelamento do título, no caso de eleitores com mais de 70 anos, não gera a suspensão do CPF e nem do recebimento do benefício previdenciário.

Os eleitores que ainda não compareceram à revisão devem agendar seu atendimento pelo site do TRE-SC ou pelo Disque-eleitor, ligando para o 0800 647 3888, e comparecer na data escolhida portando documento de identificação com foto, comprovante de residência emitido nos últimos três meses e comprovante de alistamento militar – no caso de homens maiores de 18 anos que vão fazer o primeiro título.

 

Para agendar
027ª ZE – São Francisco do Sul
R Barão do Rio Branco, 377, Sl. 300, Centro – 89240000
0800 647 3888
(47) 3444-1355
(47) 3444-0400
e-mail: zona027@tre-sc.jus.br

Dados e estatísticas
População: 51.677 (IBGE 2018)
Eleitorado total: 36.713
Eleitorado biometrizado: 14.440 (39,3%)
Eleitorado pendente: 22.273 (60,7%)

Média de atendimentos diários: 10

Dados atualizados em: 19/9/2019

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.