Porto Itapoá recebe o prêmio “Port Financing of the Year”, em Nova Iorque

Premiação foi entregue no jantar anual da LatinFinance em Nova Iorque, e reuniu empresas, investidores, bancos, assessores e escritórios de advocacia envolvidos nos melhores projetos de financiamento em infraestrutura da América Latina e Caribe

 

Na última quinta-feira, 3 de outubro, o Porto Itapoá foi agraciado com o prêmio Port Financing of the Year realizado pela LatinFinance Magazine, em Nova Iorque (EUA). Uma das principais fontes de informação sobre os mercados financeiros e as economias da América Latina e do Caribe, a LatinFinance realiza anualmente o Project & Infrastructure Finance Awards, que contempla o levantamento das atividades de financiamento de infraestrutura da região, para reconhecer o progresso, as inovações e as realizações de destaque do período.

Em sua sexta edição, em 2019 o prêmio comemora as melhores transações da região e empresas, investidores, bancos, assessores e escritórios de advocacia que as fizeram acontecer. O Porto Itapoá foi vencedor na categoria de Financiamento de Projetos Portuários pela bem-sucedida operação de captação de recursos para as obras de ampliação.

Representaram o Porto Itapoá no evento, o presidente Cássio Schreiner e o Gerente Financeiro, Thiago Gama. “É um orgulho imensurável comemoramos mais uma premiação internacional, além das recebidas anteriormente em projetos sociais, ambientais e de tecnologia. Essa premiação de tal prestígio no setor financeiro coroa o trabalho de excelência no processo de negociação, estruturação e execução da nova estrutura de capital da Companhia, que viabilizou as obras de ampliação”, afirma Cássio.

Presidente do Porto Itapoá participa de painel sobre parcerias público-privadas

Mais cedo, neste mesmo dia, a LatinFinance reuniu os principais patrocinadores de projetos, investidores, financiadores e reguladores na América Latina e no Caribe para uma série de discussões sobre os grandes temas que impactam o mercado e a indústria de financiamento em infraestrutura. Participaram também desenvolvedores de infraestrutura da região, formuladores de políticas, reguladores, financiadores e consultores formando uma grande rede para fomentar parcerias público-privadas (PPP).

Cássio Schreiner foi convidado do painel “Parcerias público-privadas: equilibrando a carga”. Frequentemente apresentada como uma solução milagrosa para o declínio do investimento público em infraestrutura e a ponte ideal para uma lacuna enorme de financiamento na América Latina, a implementação de projetos de PPP traz uma complexidade que pode comprometer os projetos sem as estruturas reguladoras e de mitigação de riscos corretas.

Esta sessão discutiu o que pode ser aprendido de projetos Latam bem-sucedidos, as oportunidades e quais medidas regulatórias e institucionais são necessárias para um ambiente favorável a estes investimentos. Juntaram-se ao presidente do Porto Itapoá, Cássio Schreiner, neste painel, o executivo Sênior de Energia do CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina), Angel Cárdenas, o sócio-diretor da consultoria Conway MacKenzie, Aurelio Garcia-Miro, a associada do escritório de advocacia Mayer Brown, Gaby Sakamoto, e o diretor Financeiro da empresa privada de saneamento básico BRK Ambiental, Sergio Barros.

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.