Sessão, nesta terça-feira, na Câmara analisa três vetos do executivo

Câmara gastou R$ 134 mil em diárias no semestre e R$ 221.400,00 desde 2017

 

A sessão ordinária desta terça-feira, dia 6, às 16h, vai analisar três vetos do executivos de projetos que tratam de nome de rua e a manutenção de praças, parques e quadras públicas. Além dos veto está pauta o projeto que institui o dia dos Bombeiros Voluntários. Ao todo dez projetos serão apreciados pelos parlamentares.

 

O projeto que denomina “Rua Itamundi”, no Ubatuba, é o mais antigo. A proposta foi protocolada em 30 de janeiro do ano passado pelo vereador Chris Manão. Porém, só foi apreciado neste ano e aprovado em 23 de maio.

 

Os demais projetos:
Vetos:
Projeto de Lei 1/2018
Projeto de Lei 98/2018
Projeto de Lei 24/2019

Segunda votação (todos projetos do legislativo)
Dia dos Bombeiros Voluntários – Projeto de Lei 39/2019
Adote um Posto Guarda-Vidas – Projeto de Lei 40/2019
Proíbe a produção e plantio de bisnagueira – Projeto de Lei 42/2019
Semana da Apicultura – Projeto de Lei 43/2019
Denomina Rua Angelin – Projeto de Lei 44/2019
Denomina Servidão Flamboyant – Projeto de Lei 45/2019
Denomina Servidão Cidreira – Projeto de Lei 46/2019

 

 

 

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.