Dicas: 10 dicas para reduzir o consumo de água no banheiro

A Águas de São Francisco do Sul dá algumas dicas sobre economia de água, principalmente na hora do banho

 

Em uma residência, cerca de 35% do consumo de água é para higiene pessoal. O gerente de operações da Águas de São Francisco do Sul, Gabriel Buim, explica que gestos simples, como fechar a torneira enquanto faz a barba ou escova os dentes, reduzir o tempo de banho e verificar vazamentos podem levar a uma economia grande de água no banheiro. Confira 10 dicas importantes:

1 – Verifique se não há vazamentos. Um buraco milímetros desperdiça muita água e os casos de vazamentos no vaso sanitário, onde é mais difícil perceber, são bem comuns.

2 – O tempo do banho faz muita diferença: se passar de 15 para 5 minutos, cerca de 90 litros de água podem ser economizados.

3 – Feche o chuveiro quando estiver se ensaboando. Isso reduz o tempo do banho e economiza cerca de 80 litros de água.

4 – Desligar o chuveiro enquanto lava o cabelo também é uma dica importante.

5 – Fazer a barba em 5 minutos gasta 12 litros de água. Fazer a barba no chuveiro diminui o consumo para 2 litros.

6 – Economize mais de 11 litros de água escovando os dentes com a torneira fechada.

7 – Além de manter a torneira fechada enquanto escova os dentes, utilize um copo de água para enxaguar a boca.

8 – Mantenha um balde no chuveiro para reter a água que corre até que ela aqueça. Utilize esta água para lavar o banheiro, a cozinha e até para regar plantas.

9 – Não utilize o vaso sanitário como lixeira. Jogue papel higiênico, algodão, absorvente e qualquer outro resíduo no lixo.

10 – Não use a descarga se não houver necessidade. Cada vez que ela é acionada por seis segundos, o gasto é de 10 a 14 litros de água.

Em março de 2013 foi quando começou a história do Folha Babitonga na versão impressa. De lá para cá muita coisa mudou e o jornal buscou se adequar as novas mídias. Por isso, em março de 2019 entramos em uma nova era. O Folha Babitonga tem se destacado pela produção de conteúdos próprios e focados em São Francisco do Sul. Para manter este trabalho, estamos realizando a campanha de contribuição. Sim. Os conteúdos permanecerão de acesso livre a todos os leitores.  Faça uma contribuição para nos ajudar a entregar um jornalismo comprometido com São Francisco do Sul e independente. Apoie o Folha Babitonga a partir de R$ 10. Obrigado.